Tranquilamente, primeiros.

Foi pena que, a partir dos primeiros 10 minutos e depois de terem reparado que o Maccabi é apenas uma equipa sofrível para os padrões da Champions, os nossos jogadores tenham encarado com alguma sobranceria o resto do jogo. E é pena porque podíamos ter construído um resultado muito mais expressivo que talvez nos viesse a dar jeito lá mais para a frente se as coisas se resolverem pelo goal-average.
Os golos acabaram por aparecer já na parte final da primeira parte, não porque estivéssemos a exercer uma pressão sufocante sofre um adversário fraco, mas porque, de facto, temos melhores jogadores do que eles. Lopetegui agradeceu e, com as saídas de Corona, Imbula e Brahimi (só o primeiro jogou realmente mal hoje) tratou de dar um sinal lá para dentro: vamos gerir, aguentar, dar posse de bola ao adversário e aproveitar a velocidade de Tello. Podiam ter acontecido mais um ou dois golos, mas não gostei muito desta atitude.
Mais uma vez, tivemos Aboubakar, Brahimi e Maxi entre os melhores e um Imbula que foi o elemento mais esclarecido do meio-campo, ligando bem o jogo da equipa.
Estamos em primeiro lugar, ao fim da primeira volta, com duas vitórias e um empate, o que não deixa de ser algo surpreendente, tendo em conta que temos o Chelsea no grupo. Foi pena aquele empate em Kiev. De qualquer modo, estivemos bem nestes primeiros três jogos e temos tudo para seguir em frente.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s