Fífias

Assim em modo quase telegráfico, sobre o jogo de ontem: foi a melhor exibição da pré-época, com notória evolução na dinâmica geral da equipa. Brahimi surgiu endiabrado, enquanto teve fôlego. André André deu passos importantes para conquistar a titularidade. Aboubakar mostrou que podemos contar com ele. E os laterais estiveram bem no envolvimento atacante, com destaque para dois passes de Maxi Pereira com açúcar que poderiam ter dado golo. Sinal menos para Tello e Maicon, este com uma fífia que já é marca registada. Sim, o Maxi também teve uma fífia, mas, para já, a linha editorial de Pobo do Norte não admite outra coisa que não elogios ao uruguaio.
Hoje surge mais um nome a acrescentar à extensa lista de jogadores apontados ao FC Porto. Vem n’A Bola online e o nome do rapaz é daqueles difíceis de dizer. Mas é só porque é nipónico da Coreia do Sul. Alguém reprovou a geografia e a português na redação do pasquim. Ora façam o favor de clicar na imagem.

5 thoughts on “Fífias

  1. O Record destaca hoje a onda verde, em função do numero de game-boxes vendidas. A explicação radica, segundo a mesma fonte jornalística, na “excelente pré-epoca” dos leões. Eu diria que a explicação está antes no constante apurar do caril mediático, que ainda constituiu a mudança de Jorge Jesus para o Sporting. Ponto.

    A qualidade de uma pré-temporada só pode ser aferida na fase inicial da…. TEMPORADA. Os jogos são a feijões e de pré-temporadas “brilhantes”, á moda do Record, está a Historia cheia. As do Benfica, por exemplo, eram sempre brilhantes, com massas de adeptos seguindo a maravilhosa promessa de glorias futuras, celebrando estupendas goleadas e para tudo descambar num rotundo falhanço dali por poucos meses. Uma pré-temporada sem derrotas (só os eternos perdedores contam vitorias dessas) era vista como o prenuncio do titulo. No outro extremo do espectro esta, por exemplo, a horrível pré-temporada de Villas-Boas no FCP – na altura muito gozada e acompanhada por vaticínios de titulo certo para os lado da Luz, com contornos de pagode e achincalhamento. Pois a medíocre pré-temporada pariu uma época lendária tanto para FCP, como Benfica, por razoes diametralmente opostas. E Jorge Jesus sabe bem do que falo…

    Um cheirinho para os amnesicos do que era o tom: http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Desporto/Interior.aspx?content_id=1634766

    Gostar

  2. Os otários já corrigiram. Gostei deste comentário lá:

    “um reforço de olhos em bico”, acho que o sr. jornalista que escreveu este artigo se deveria lembrar que está a escrever para um jornal e não a falar com os seus amigos ao balcão de um qualquer café. Usar expressões racistas, porque isto não tem outro nome, como esta e em 2015, é inacreditável!

    🙂

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s