Marés e marinheiros

Um estádio em delírio e um treinador literalmente de joelhos resumem quase tudo o que se passou no Dragão esta noite. O Porto foi marginalmente superior mas fica por saber que jogo teríamos se JJ não tivesse escolhido jogar em função dos 2 pontos de vantagem que tinha.

Existe uma justiça poética na forma como a sorte abandonou o Benfica nesta recta final da temporada. Depois da vitória na Madeira, comemorada de uma forma desrespeitosa para com os adversários que os aguardavam e, que ninguém esqueça, da Capelada face ao Sporting, o discurso após o jogo com o Estoril reflectiu um estado de alma diferente, um temor que emergia cada vez que os jogadores e o treinador repetiam pesarosamente que “o Benfica depende apenas de si”. Nas entrelinhas adivinhava-se o “ainda”.

A vitória de hoje, sejamos lúcidos, foi uma vitória “feliz”, fruto de um rasgo de génio de um menino de 19 anos, numa altura em que os jogadores do Porto tinham deixado de controlar e pressionar o adversário, e o jogo caminhava para um final favorável ao Benfica. Mas foi igualmente a vitória da única equipa que tentou ganhar o jogo (VP esteve bem em referi-lo), a vitória de quem nunca desistiu. Limpinha, sem mácula.

Nada está ganho, é importante que o lembremos. É sobretudo importante que não se cometa o mesmo erro do nosso adversário, que se comemore esta determinante vitória sobre o nosso maior rival mas que não nos esqueçamos que faltam 3 pontos para o título.

Seja como for, nada nem ninguém nos pode roubar a alegria de ver o pesar das redações vermelhuscas, a depressão geral na TVi, na SIC ou mesmo na SportTV. Foram semanas a festejar por antecipação o agora improvável título, primeiras páginas sucessivas a celebrar os alegados grandes feitos do SLB, discursos exdrúxulos sobre cada golo marcado, sobre cada triunfo. Hoje, mais do que JJ e os seus jogadores, os grandes derrotados são os paladinos de uma certa “verdade desportiva”, os arrebatados nacionalistas que só se manifestam quando joga o SLB, os Mexias e os demais apóstolos da fé vermelhusca numa superioridade moral e competitiva que não reconhecem a mais ninguém.

Anúncios

21 thoughts on “Marés e marinheiros

  1. Tens toda a razão…se lerem o meu comentário de há dois posts atrás, irão ver que o meu benfiquismo não me cega nem me emburrece…o campeonato, se o ganharem, está bem entregue!

    Já só quero que os meus comam a relva na quarta-feira…ou fumem-na, já que é Amesterdão…desculpem, mas se ganharmos aquele caneco, será inegavelmente justo!

    Saudações e parabéns de um dos (poucos) benfiquistas ferrenhos lúcidos!

    Gostar

  2. Ser PORTISTA é lindo, mas nestes últimos anos é absolutamente F-A-B-U-L-O-S-O. A quantidade de alegrias que já vivemos, parece um sonho interminável!

    Desde a Ligas de Campeões, a Uefas, a espetar 5 no Galinheiro, a aplicar a mesma receita no Dragão, a festejar o campeonato naquele antro, a ser campeões com dezenas de pontos de avanço, a ser pentacampeão, a acabar campeonato sem derrotas, a roubar-lhes Jardeis, Decos, Lisandros quando já eram dados como certos no outro lado… eu sei lá… tanta e tanta coisa! A cereja no topo do bolo foi deixá-los à beirinha de meter a mão no pote, e… num último fôlego… PUMBAS “tirem as manápulas daí que isto é NOSSO CRL!”

    É gozo a mais para um homem só! É ter tido a oportunidade de ver as galinhas completamente depenadas e pensar que não podia haver mais nada para além disso! Mas houve! Ficaram sem carne e só deixámos os ossos. Comemos estes galinácios e tive a oportunidade de assistir a mais este belo manjar!

    Obrigado aos meus paizinhos, por ter nascido nesta época!

    Gostar

  3. Passo importante rumo ao TRI, conseguido sem grande brilhantismo, mas com raça, com querer, com união e ambição, assumindo o jogo pelo jogo, contra o futebol de esquemas e estratagemas, o jogo sujo, o anti-jogo, a bazófia, a arrogância e o colinho.

    Falta o derradeiro passo que se antevê difícil pois vamos defrontar uma equipa mais forte do que a que derrotamos no Dragão. Temos de continuar a ter os pés bem assentes e a cabeça no lugar.

    Incomodam-me os excessos de confiança que levaram muitos portistas a festejar na Avenida, como se já fossemos campeões.

    Ganhar ao clube do regime, já é a normalidade e não justifica tal procedimento.

    Sei que os jogadores não se deixarão envolver por esta manifestação prematura.

    Um abraço

    Gostar

  4. É admirável a sagacidade do VP na contratação do Levezinho! Que melhor jogador para resolver (com uma assistência) um jogo com os lampiões?
    Dado o currículo dele na anterior-equipa-agora-não-europeia, era, sem dúvida, a arma secreta ideal para este desfecho. Ah, o outro gajo foi o Varela…outro ex-lagarto… Como sportinguista, sinto que tivemos uma quota-parte de contribuição no ajoelhar do JJ (estaria a pensar na segunda-feira, na Cova da Iria, a acender duas velinhas? Uma para o Xelsia não bater muito e outra para o Paços dar uma mãozinha?). Não estraguem tudo agora no final, sim? Embora ache que o Moreirense é que vos vai dar o campeonato… Just a feeling 🙂 Saudações desportivas! Grande abraço, pôncio! 😉

    Gostar

  5. Que alegrias, que sensações, que emoções.

    Obrigado Porto, por tudo, que maravilha.

    Acima de tudo, tenho de dar uma palavra de apreço a Jorge Jesus, é realmente o treinador mais decente que o Benfica já teve na sua história. O único a ajoelhar-se perante o Dragão, reconhecendo o mérito e a superioridade do FCP. Obrigado Jesus, toda a tua bazófia desapareceu assim que a bola de Kelvin roçou o fundo das redes da baliza da tua equipa, toda a tua arrogância e insensatez cairam-te aos joelhos e aos pés do Dragão, como um acto de obediência, ou respeito máximo, vergaste-te perante o poder do nosso clube, lindo, nunca esperei isso vindo de ti, maravilhoso, tinhas guardado isso dentro de ti durante estes anos todos, finalmente fechaste o ciclo com chave de ouro. Nunca tinha visto um treinador do todo-poderoso-Benfica fazê-lo perante a nossa vitória e no nosso estádio, mas tu és diferente Jesus, realmente és o maior, ao vivo e a cores, ganhaste um espaço muito especial no meu coração.
    Ficarás sempre na minha memória pelas mais variadas e doces razões.
    Que emoções vivemos contigo, o 5 a 0 no Dragão, a reviravolta na Taça, o campeonato na Luz, a rega, a escuridão, mas acima de tudo lembrar-me-ei da tua bazófia e falta de pudor, que características únicas, és um ser humano incrível e fantástico, emocionalmente «muito à frente», que não mente, sincero, ainda que simples, convencido, ainda que verdadeiro, um autêntico «gentleman” ao contrário. Mas obrigado pela tua amostra de respeito para connosco, melhor? só mesmo beijando a mão do Papa, mas para mim foi a cereja no topo do bolo, um bolo sem açucar mas cozinhado e recheado com muito mel, fruto do carinho e amor que apenas tu consegues demonstrar, obrigado por tudo, sem “tigo” este campeonato não seria a mesma coisa, foste o melhor profissional da noite, e congratulo-te por seres assim e continuares assim, agora entendo que não foi AVB ou o Vitor que nos deram estes últimos anos de alegrias imensas, não Jesus, nos melhores momentos tu sempre estiveste lá, no Dragão, na Luz, com ou sem ela, com ou sem chicla, és o meu herói, desejo-te os melhores e mais longos anos à frente desse clube com o qual nos ofereces tantas e variadas prendas ano após ano, e nos fazes tão feliz. És o maior, obrigado mesmo por tudo, sinceramente, e nunca deixes de “acraditar”…

    Boa sorte para o futuro…

    Gostar

  6. E esta Pentadragão já tinhas visto um treinador do SLB vergar-se de respeito perante o Dragão?
    Tenho de admitir que sinto mais pena e emoções ao ver Jesus ajoelhado, com uma cara de sofrimento terrível, como se tivesse tido um ataque de coração, ou alguém lhe tivesse morrido, do que sentir algo com as lágrimas milagrosas de Fátima de Vitor Pereira, Jesus foi um actor bem melhor do que eu poderia ter imaginado. Enfim, ganhámos com os putos(James 21 e Kelvin 19) e podemos repetir o feito de AVB com o segundo campeonato sem derrotas, e esta hein? quem diria que haveriamos de ultrapassar todos os recordes dos nossos adversários? mesmo os que pareciam mais impossíveis… Obrigado Jesus, por seres o treinador que Pinto da Costa sempre quis, mesmo que não fosse a comandar o FCP.

    Quanto a arbitragens, foi o que disse aqui à uns dias, suspeitava de uma arbitragem à Proença para chegar a um empate, fez de tudo o homem, qualquer falta ou encontrão e era o jogo empurrado para a grande área do Porto, mas com uma equipa sempre a acreditar, e com o apoio massivo dos adeptos, tudo foi possível, e conseguimos chegar a bom porto, algo que tinha acontecido também com o golo de Bruno Moraes no célebre 3-2 em que Lucilio Baptista não dá nem falta contra o SLB quando Katsouranis partiu a perna a outro puto(Anderson) que dava espetáculo, algo me diz que vamos ficar a 4 pontos do SLB, mas vamos ver…

    Vitor Pereira? devia saber falar nas entrevistas que faz, infelizmente é bastante ingénuo para um treinador à Porto, não sabe responder às perguntas venenosas dos jornalistas, nem sabe motivar clube, equipa, e adeptos, deveria falar mais da equipa nas vitórias, e menos sobre ele, o que não consegue fazer, antes e depois dos jogos as conferências são puros exercícos de masoquismo para os adeptos do FCP, de lamentar as conferências de imprensa deste treinador que não está ao nível do meu clube, eu bem que quero gostar do homem mas parece-me impossível, quando ganha ou tem alguma boa maré(como bem diz o post) por exemplo depois do jogo do Benfica com o Estoril, lá vem ele embadeirar em arco o seu mérito e o que disse, se acertou, ou se funcionou ou não o que disse, ou no final do jogo com o Benfica, se merece ou não estar no Porto, mas alguém sinceramente quer saber disso? Não haverá ninguém que consiga aconselhar o Vitor ao que deve ou não responder? Depois o homem nem sabe falar do que vem aí com o Paços, e começa a falar de canas e festejos? epá não há paciência, se as pessoas querem festejar que festejem, o homem tem de estar calado e fazer o trabalho dele, o que ele deveria dizer é que o Paços é uma equipa espetacular, e que vai ser bem mais difícil que o jogo do Benfica, e que vai ser um jogo de champions, não só punha pressão na equipa do Paços como inchava-lhes o ego para irem para o jogo todos convencidos que são os maiores(mesmo que o sejam), mas enfim, nos momentos importantes não há um neurónio de Vitor que funcione ou faça faísca.
    O seu portismo não está em causa, mas é demasiado ingénuo para conferências de imprensa, é um 0 à esquerda em mind games, até o Lucho fala melhor quando diz “ganhar assim até teve mais piada”, é isso mesmo, era preciso ouvir isto, rir do Benfica, gozar com a cara deles, e não precauções atrás de precauções, medo atrás de medo, nunca comprometendo-se com a vitória, mas acautelando-se para o que vem aí, nós mereciamos isto, vai ser uma semana de descanso e de regozijo máximo, quando vier o Paço há de vir o Paços, parecia um enterro aquela conferência de imprensa, até o Jesus parecia mais feliz e motivou mais o Benfica do que o Vitor o Porto, mas enfim, já vi de tudo, e pelos vistos, há quem goste de cagões.

    Contra o Paços que eles joguem bem melhor e que até comam a relva, só espero um hat-trick de Jackson.

    Gostar

  7. Pentadragão, resumiu TUDO o que sinto! É de facto um SONHO interminável….. Nem é possível descrever por palavras TUDO o que o FCP me proporcionou viver desde 1975! Às vezes nem sei se serei merecedor de tantas alegrias!!!

    Gostar

  8. Ainda temos uma jogo para vencer. Tudos sabemos como o Paços jogar…fala-se numa oferta de 2 milhões de euros feita pelos mouros para os jogadores do paços e basta empatar. O terinador do paços é grande amigo de jesus!!!!
    Nós contra equipas bem fechadas temos muitas dificuldades!

    Gostar

  9. Penta, podes fazer o que quiseres. Se fiz upload dos jogos foi precisamente para que o maior número de portistas pudesse ter acesso aos jogos. Se quiserem sacar e fazer um torrent, estejam à vontade. Se quiserem fazer upload para o turbobit, rapidshare isso tanto me faz. Se fiz isto foi para que todos os portistas possam ter acesso à nossa história. Só peço que não tentem fazer lucro com isto, mais nada.

    Gostar

  10. Não sei o que é pior, um canal que assume a sua vermelhice, ou todos os demais canais e pasquins que a engolem com muita azia ou rennie à mistura.
    Acho que pior mesmo são os títulos embelezados, feitos épicos e culto de personalidade, que o demais jornalismo avermelhado dedica ao benfica.
    A benfica tv apenas está a ter uma reacção normal para a sua natureza.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s