Imperiais

Ao contrário do que sucedia na época passada, esta equipa tem um rumo, uma direcção, um propósito. Villas Boas é o timoneiro de um navio de guerra que afunda tudo o que lhe aparece pela frente. Mas com estilo. E nem uma espécie de Xistra da Espanha nos causa dano.
Anúncios

7 thoughts on “Imperiais

  1. Grande jogo, grande equipa. De tal forma excelente, que num estádio desfavorável, com muita pressão, um árbitro que roubou vergonhosamente, dois jogadores expulsos, só ganhámos…3-1! Tal como no jogo da Supertaça onde o FCP foi continuamente espancado e 5 expulsões foram perdoadas ao Benfica.

    Já dizia o ano passado sobre Jesualdo: quando o FCP está ao nível dos seus pergaminhos, não há roubalheira que valha, tal é a diferença de qualidade para Benficas e quejandos.

    Na SIC notícias, um abjecto Jorge Baptista fazia o comentários dos dois jogos, de Sporting e FCP, na sua habitual voz afectada de quem sofre de prisão de ventre crónica. Sobre o jogo do Sporting, o vil opinador afirmou que jogou muito bem, muito bem, muito bem, todo o mérito. Contra uma equipa belga que jogou a passo TODA A PARTIDA. Sobre o jogo do FCP, isso já foi outra cantiga. Teve a vida facilitada e acabou por ganhar, o primeiro golo foi sorte, o Besiktas não tinha 8 titulares, só deu Hulk, o FCP nunca dominou o jogo, etc. E Pinto da Costa devia estar calado, que não diria o que disse se tivesse perdido, etc. Qualquer orangotango vítima de Alzheimer sabe ver que o FCP teve um desafio de elevadíssima dificuldade, ergo a sua vitória foi tremenda, e o Sporting teve um jogo de treino, ergo a sua vitória só mascára de forma efémera a falta de qualidade que aquela equipa tem.

    Nada – sem dúvida – dói mais a esta gente do que levar com a grandeza do meu clube em cheio nas fuças. Nada. E isso é o que dá beleza a certas manhãs, neste mundo cruel.

    Quanto aos desmandos do Benfica em Lyon, só um idiota esperaria desfecho distinto, antes do jogo começar. Mas neste capítulo, todos sabemos o quanto Vieira e Jesus gostam de colocar o cachaço a jeito com declarações feitas sob o efeito de psicotrópicos, cumprindo a longa tradição de auto-humilhação tão própria do benfiquismo.

    Tal como se faz com certos animais domésticos, que estrebucham a contra gosto à vista de uma tina com água, os benfiquistas guincham antes de cada banho de realidade. Estão em estado de negação. Um campeonato amplamente roubado, ganho in extremis contra o Braga, deu-lhes a tremenda ilusão de que Jorge Jesus seria uma espécie de Carlos Magno do futebol e de que a sua equipa era o Barcelona (Jesus dixit). Agora chega a previsível banhoca de realidade, iniciada na final da supertaça e actualmente em curso: Jorge Jesus pode suscitar tesões no balneário, mas é um treinador trengo a ler o jogo, logo incompleto. O plantel do Benfica dava para ganhar batendo em cegos, brilhando as suas estrelas em pré-reforma, mas frequentando os luxuosos salões da Champions e um FCP ao seu nível habitual, fica patente que a equipa não dá para mais e tem graves limitações – sobretudo defensivas. Ainda nos vamos rir muito dos 45 milhões que pediram pelo astro brasileiro do cabelo de cefalópode. Esta gente ainda tentou desculpar-se com a saída de Di Maria e Ramirez, o que só me dá mais razão: a equipa era fraca e estava por um fio.

    Bom, nada disto interessa. Há um grande FCP a crescer lá fora e cá dentro, num projecto sólido, bem fundamentado. Tem pernas para andar. Recordo que estamos a crescer, ainda há muito por onde evoluir. Neste momento apraz-me verificar que o plantel é de qualidade suficiente para permitir rotação sem perda de nível competitivo e salvaguardar eventuais lesões de titulares. Também é possível identificar o que Villas-Boas quer e está a fazer, havendo nítida evolução da equipa de jogo para jogo. Com Jesualdo, era tudo desgarrado, um punhado de jogadores em campo fazendo zonas, nunca tendo percebido o que seria uma equipa feita à sua imagem. A sua contribuição técnica para os compêndios da gestão e treinos desportivos é muito próxima de zero. Nada buliu no horizonte jesualdiano.

    Estamos no bom caminho, portanto.

    Gostar

  2. Amigos e colegas, criamos um video que mostra mais uma das verdades do futebol português, e estamos a começar uma petição, para recebermos o Benfica no Dragão com flores e beijinhos.

    Gostávamos de contar com o vosso apoio para a divulgar.

    Porque acreditamos que se formos muitos, vamos conseguir envergonhar e colocar ao ridículos, todas as ultimas atitudes do Benfica…

    http://www.bestoffutebol.com/2010/10/autocarro-do-benfica.html

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s